Rotacismo

Diferente do lambdacismo, que é a troca do “R” pelo “L”, o rotacismo é a alteração de algum fonema pelo “R”. Exemplos típicos desse tipo de metaplasmo na fala brasileira são as palavras “framengo” e “chicrete”, mas podemos incluir nessa lista o carioquíssimo “mermo”. Veremos como o rotacismo ocorre e quais são os fatores que contribuem para seu aparecimento na fala.

Ler maisRotacismo

Lambdacismo

Acho que praticamente todo brasileiro já teve contato em algum nível com a Turma da Mônica. Entre os amiguinhos dessa menina muito esperta, há um menino de cabelo espetado que se acha o rei da rua, ou melhor, o “lei da lua”. Cebolinha é um menino que podemos considerar a personificação do Lambdacismo. Não sabe o que é lambdacismo?

Ler maisLambdacismo

SUFIXOS

Já tratamos do processo de Prefixação, mostrando como esse processo derivacional é importante e enriquece o léxico português. Olhando para a ponta esquerda da base lexical, temos os prefixos, na outra ponta da palavra, temos os Sufixos. Neste artigo trataremos dos processos que envolvem a Sufixação e algumas implicações.

Ler maisSUFIXOS

Indígenas brasileiros vs. Chomsky

No dia 19 de abril é celebrado no Brasil O Dia do Índio. Essa data foi criada pelo presidente Getúlio Vargas, através do Decreto-Lei 5540 de 1943. A data de 19 de abril foi proposta em 1940, pelas lideranças indígenas do continente americano que participaram do Congresso Indigenista Interamericano, realizado no México. A data serve como motivo de reflexão sobre os valores culturais dos povos indígenas e a importância da preservação e respeito a essas culturas. Mas o que os indígenas brasileiros têm a ver com um dos mais conhecidos linguistas do século XX?

Ler maisIndígenas brasileiros vs. Chomsky

PREFIXOS

A prefixação é um dos processos de criação de novas palavras bastante fácil. Os prefixos são morfemas que agregam significado sem alterar drasticamente o sentido da base, mas há casos que essa premissa não ocorre em todos os casos. Em “exceder”, “preceder” e “proceder”, não temos tão nítida a ideia de ceder, tampouco se percebe a derivação por meio dos prefixos “ex-“, “pre-” e “pro-“. Neste artigo vamos tratar de um tipo de Derivação bastante produtivo, a Prefixação.

Ler maisPREFIXOS